Leonardo Koury Martins

Leonardo Koury Martins – O meu amor

Dor,
às vezes dói só de ficar
a esperar da
sua presença.

Mas não posso dizer
pois tenho que valorizar
este amor,
e vou indo, de pouco a pouco
me conter.

A palavra eu te amo,
que não digo,
mas sinto por você.

Leonardo Koury Martins, O Começo da História

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.