Leonardo Koury Martins – Balada de não te amo

Sinto a sua falta às vezes,
Mas eu agora não ligo
E dói o meu coração
Mas viver sozinho eu consigo.

Todo mundo tem seus momentos
Eu tive um que era
Ficar do seu lado,
Mas você me deixava sozinho,
Eu preferia ficar calado.

Agora sou eu que não quero.
Chega, quem sabe sentirei saudades.
Eu não me desespero
E vou curtir assim a felicidade.

Saiba que não vai ser do seu lado
Que vão surgir meus sorrisos,
Não ache que estou magoado,
Pois não é de você que eu preciso.

E não serão mais seus beijos
Porque seu nome não mais eu chamo
Nas minhas noites são outras mulheres
Que idolatram meus gestos profanos.

Agora são outros desejos
E não pense que eu me engano.
Eu posso afirmar o que tu não queres
Inclusive que não te amo.

Leonardo Koury Martins, O Começo da História

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.