Eucanaã Ferraz

Eucanaã Ferraz – Vem

Porque os dias quebravam contra sua cara, porque trocara as horas por nada, quis o espinho extremo; mas, sobre encontrá-lo, ninguém, nada respondia. Saberia reconhecê-lo em meio a tudo? Algum sinal? Um cisne gravado na testa? Talvez bastasse, à distância, atentar nos modos de dobrar ou desfazer frases um lenço quem sabe, no levar água …

Continue Reading
Eucanaã Ferraz

Eucanaã Ferraz – Dance

Ele não é como uma pedra rolando. Há método nos seus gestos de golfinho de fonte de vaga de máquina de calcular o modo como passa ao largo dos aquários de formol onde os peixes são bois imóveis faz pensar na surpreendente elegância de um bípede quando está livre e quando não seja exatamente de …

Continue Reading