Gianne Lorena

Gianne Lorena – Da conduta, o desnorteio

“Já pensou? Em 2070, lembrarmos
da década de 70 que não vivemos?”

diálogo corriqueiro
daqueles meus, comigo:
o mundo e as naus que nele naufragam
precisam, urgentemente
de um estaleiro

exceder limites
transparece a beleza
pra quem vive

da mesma

vejo que esse tempo
é da libido
e de olhares vulgares
que não enxergam
que o amor
é para ser

sentido

Gianne Lorena, 6universos

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.