Miguel Torga

Miguel Torga – Lezíria

miguel torga

São duzentas mulheres. Cantam não sei que mágoa
Que se debruça e já não mostra o rosto.
Cantam, plantadas n’ água,
Ao sol e à monda neste mês de Agosto.
Cantam o Norte e o Sul duma só vez.
Cantam baixo, e parece
Que na raiz humana dos seus pés
Qualquer coisa apodrece.

Miguel Torga, Poesia Completa

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.