Maya Angelou

Maya Angelou – Pegar e dar o fora

maya angelou

Tem uma garota de pernas compridas
em São Francisco
lá pela ponte Golden Gate.
Ela disse que me daria tudo o que eu quisesse
mas eu não pude esperar.
Eu comecei a
Dar o fora,
Dar o fora,
Dar o fora,
indo para a próxima cidade,
Querida.

Tem uma morena bonita
em Birmingham.
Caras, ela era pequena e fofa
mas, quando ela começou a querer me amarrar,
eu peguei meu terno e comecei a
Dar o fora,
Dar o fora,
Dar o fora,
indo para a próxima cidade,
Querida.

Conheci uma mulher amável em Detroit
e pensei que minha hora havia chegado
Mas, antes que eu dissesse “aceito”,
eu disse “tenho que correr” e comecei a
Dar o fora,
Dar o fora,
Dar o fora,
indo para a próxima cidade
Querida.

Não há palavras para o que eu sinto
por um rosto bonito
Mas, se eu ficar, talvez eu perca
algo ainda mais bonito em outro lugar
Eu comecei a
Dar o fora,
Dar o fora,
Dar o fora,
indo para a próxima cidade
Querida.

Maya Angelou, Poesia completa

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.