Edimilson Eufrásio

Edimilson Eufrásio – Segredos e paparicos

Você não acredita em nada do que digo,
Mas o seu sorriso é tudo que eu preciso.
Pra voltar a crer no amor,
No amor, que une dois corações em um,
Que encontra razão num simples piscar de olhos,
Que encontra graça no sorriso maroto,
Que escondido pela sua face, tem tantos segredos,
Segredos esses que dão vontade de reviver,
De voltar, de recomeçar, de sonhar, de crescer.

Eu sei que podem dizer que sou cafona,
E que meus sentimentos são ilusões, não importa.
Amar faz parte desse universo de dimensões infinitas,
Que, de tão grande, se torna pequeno dentro de mim.
Lembro que você adora paparicos,
Em meus braços se torna criança inocente.
Se entrega com pureza e beleza.
O nosso cantinho de amor é o mundo,
Onde somos os únicos a contemplar essa riqueza.
Ah! Não consigo me segurar,
Eu não sei o que você quer de mim.
O meu coração se nega a se torturar,
Eu só sei que sem você pra me amar
Minha vida é o fim.

Edimilson Eufrásio, Lágrimas de Poeta

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.