Bráulio Bessa

Bráulio Bessa – Sobre felicidade

Que mania estranha a nossa
de cobiçar o alheio.
O mundo de alguém ser belo
não faz seu mundo ser feio.
Tem gente que passa fome
com o próprio prato cheio.

Me diga um só fí de Deus
que tem a vida perfeita,
da manhã que se levanta
inté a noite que deita.
Se existe vida assim,
quem escondeu a receita?

Cada um tem o sorriso
e a dor que lhe convém.
Tudo que vai abre espaço
pra tudo aquilo que vem.
Feliz na vida é quem é
feliz com a vida que tem.

Bráulio Bessa, Um carinho na alma

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.