Alberto Caeiro Fernando Pessoa

Alberto Caeiro – A Criança

fernando pessoa

A criança que pensa em fadas e acredita nas fadas
Age como um deus doente, mas como um deus.
Porque embora afirme que existe o que não existe
Sabe como é que as coisas existem, que é existindo,
Sabe que existir existe e não se explica,
Sabe que não há razão nenhuma para nada existir,
Sabe que ser é estar num ponto
Só não sabe que o pensamento não é um ponto qualquer.

 

Alberto Caeiro, Poemas Completos

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.