Adonis

Adonis – Canções para a morte

adonis

1.

A morte quando passa por mim é como se
o silêncio a abafasse
é como se dormisse quando eu dormisse.

2.

Ó mãos da morte, alonguem meu caminho
meu coração é presa do desconhecido,

alonguem meu caminho
quem sabe descubro a essência do impossível
e vejo o mundo ao meu redor.

Adonis, Poemas

Você gostou deste poema?

Você Pode Gostar Também

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.